20/08/2015 14h23

No Ituano, Dener quer seguir os passos do primo Anderson Salles

Zagueiro do Vasco é referência para volante do Galo de Itu


Por: Tuddo Comunicação

A família Salles sempre gostou de futebol e levava o esporte a sério. Assim como todo menino, muitos deles sonhavam em viver da bola. Mas o que ninguém esperava é que esse sonho viraria realidade em dose dupla.

O primeiro a se profissionalizar foi o zagueiro Anderson Salles, que fez história no Ituano e hoje defende as cores do Vasco. Agora, a família vê em Dener, o sonho se tornando realidade mais uma vez. O jovem volante segue os passos do primo e vem buscando nas últimas temporadas seu espaço na equipe de Itu.

Dener começou a carreira no Santos em 2008. No Ituano, o volante ganhou a primeira oportunidade ainda nas categorias de base em 2011, quando tinha 16 anos. Ele acabou se destacando e no começo deste ano foi emprestado ao Guarani de Palhoça/SC. Agora, de volta ao Galo Itu, o atleta ganhou a confiança do técnico Tarcísio Pugliese e faz parte do elenco que disputa a Copa Paulista e a Copa do Brasil.

“O futebol está no sangue. Nossa família sempre jogou: meus tios e meu avô. Cresci vendo eles jogarem e consegui me profissionalizar. Com o Dener também foi assim, ele joga desde pequeno. Começou em escolinhas e teve a primeira oportunidade no Santos. Ter conseguido realizar o meu sonho influenciou na busca pelos objetivos dele”, contou Anderson Salles.

Dener concorda com o primo e revela que se inspira no atleta do Vasco para evoluir dentro de campo. Mesmo jogando em Estados diferentes, os dois estão sempre em contato.

“A influência em jogar futebol veio da família que gosta do esporte, mas o Salles me serviu de motivação. Sempre o acompanhei desde a época que atuava no Santos, quando ia assistir aos jogos dele. Até hoje, sempre que pode, Anderson está presente. A nossa relação é muito boa. A gente se dá muito bem. Sempre que temos um tempinho estamos juntos contando histórias e dando muita risada”, disse Dener.

As comparações entre os dois acabam sendo inevitáveis, mesmo porque Anderson Salles faz parte da história do Ituano. O zagueiro é o maior artilheiro da equipe em Campeonato Paulista e está entre os jogadores que mais vezes vestiram a camisa do Galo de Itu na competição. Além disso, com mais de 100 jogos pelo time, foi Campeão Paulista 2014 e eleito um dos melhores zagueiros da edição do torneio.

“Sempre que posso assisto os jogos do Dener. Isso serve de incentivo. Ligo também pra saber como ele foi em uma partida, pois sei o quanto isso faz a diferença. Temos uma ótima relação. Conversamos sobre futebol e dou conselhos também, mas ele é muito tranquilo, sabe ouvir e é muito profissional”, disse Anderson.

“Fico muito feliz pelo Dener em começar a trajetória no futebol em um clube que aprendi a amar. Passei momentos maravilhosos no Ituano. Ele gosta de lá também e tem tudo para fazer história. Desejo muita sorte para ele e que possa alcançar todos os objetivos”, conclui Salles.

Dener sabe que por ser primo do zagueiro do Vasco, os olhares acabam se voltando ainda mais pra ele, mas não leva isso como pressão. Consciente de que tem muito a evoluir, o volante quer escrever a sua história.

“O pessoal sempre brinca que eu tenho que bater na bola igual ao Salles, mas eu não levo isso como comparação. Temos jeitos diferentes de jogar. A única semelhança em campo é o bom passe e a característica de conversar bastante com a equipe. Em bola parada não me pareço com ele. Isso é uma coisa que Deus deu pra ele, que é dom”.

“O Anderson fez história no Ituano e eu fico muito feliz por isso. Procuro seguir o mesmo caminho que ele. Quero construir a minha história no clube, bater recordes e conquistar títulos”, finalizou Dener que marcou seu primeiro gol com a camisa do Galo de Itu na Copa São Paulo deste ano, contra o Sport, no Novelli Junior.